M&A Talks | Fusões e Aquisições e Investimentos | Boccacio Oliveira Advogados | Brasil

Arquivo

Newsletter M&A Talks - 4/7 A 8/7


Confira abaixo os principais destaques da nossa news da última semana.



Itaú compra 35% da Avenue e terá controle em dois anos

Depois de cinco meses de conversas e negociações, o Itaú acaba de fechar a compra de 35% da corretora Avenue e, em dois anos, terá o controle do negócio. É a primeira transação relevante no jogo internacional de varejo, rompendo as fronteiras de banking e investimentos nesse segmento.

leia mais >>

Após fusão com Localiza, assembleia confirma saída da Unidas do Novo Mercado

A Unidas informou nessa segunda-feira (4) que foi aprovado, em assembleia geral extraordinária (AGE), a conversão do registro da companhia da categoria A para a B perante a Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Foi aprovado também o cancelamento da listagem da Unidas na B3 e, consequentemente, sua saída do Novo Mercado. Os pedidos serão enviados à CVM e à B3.

As ações da companhia deixaram de ser negociadas hoje na B3 após concluir a combinação de negócios com a Localiza.

leia mais >>


Vibra Energia compra 50% da ZEG Biogás

Os outros 50% de participação continuarão com a FSL e a ZEG. Com o contrato assinado na sexta-feira, a Vibravai desembolsar R$ 129,5 milhões aos acionistas da ZEG Biogás e injetará R$ 30 milhões diretamente no caixa da empresa, além do compromisso de investir R$ 412 milhões para o desenvolvimento de novos projetos que estão no “pipeline”, conforme eventuais necessidades de capital. Este valor pode aumentar para até R$ 700 milhões, dependendo de como os projetos venham a ser estruturados.

leia mais >>


Meganegócios sustentam fusões e aquisições

Uma onda de megafusões e aquisições alimentou um total de US$ 2 trilhões em negócios no primeiro semestre no mundo, mesmo diante dos impactos da inflação, das elevações de juros e da guerra na Ucrânia, que assolaram a confiança e fizeram grandes acordos naufragarem.

No primeiro semestre de 2022, foram anunciados 25 negócios com valores superiores a US$ 10 bilhões, 12% a mais do que no mesmo período de 2021 - embora o valor das fusões e aquisições como um todo tenha recuado 20%, segundo dados da Refinitiv.

leia mais >>

3 visualizações